Instituto Superior Técnico

Direção de Projectos

Call for tenders Europeia no âmbito do projeto ProEmpower – solução TIC para a gestão da Diabetes

4 of May, 2017

Gostaríamos de informar o lançamento de uma Call for tenders Europeia no âmbito do projeto ProEmpower<http://www.proempower-pcp.eu/> financiado pelo programa H2020, conforme apresentado abaixo. Acrescentamos que, no próximo dia 29 de maio, haverá uma sessão de esclarecimento sobre o projeto destinada a potenciais fornecedores de uma solução TIC para gestão da Diabetes Mellitus tipo II. Esta sessão terá lugar na SPMS – Avenida da República, n.º 61 1050-189 Lisboa e enviaremos mais detalhes assim que possível.

O projeto ProEmpower visa comprar o desenvolvimento de uma solução TIC para a gestão da Diabetes Mellitus (tipo II). A solução será focada no doente. Como ponto de partida, o projeto considera que a qualidade e eficácia das decisões clínicas pode beneficiar da utilização de ferramentas de apoio personalizadas, que congreguem informação relativa à situação clínica do doente ou preferências de tratamento, entre outras. Deteção precoce, decisão personalizada, autogestão e apoio de pares, entre outros, serão colocados à disposição de doentes e profissionais de saúde através de uma plataforma inovadora.

O projeto encontra-se em fase de Consulta Pública (ou Open Market Consultation), a que se seguirá o lançamento de uma Call for tenders Europeia, prevista para setembro de 2017. Findo o prazo de apresentação das propostas (dezembro 2017), as mesmas serão avaliadas e classificadas. Até 5 equipas serão convidadas a entrar num itinerário competitivo dividido em 3 fases:

Fase 1: Desenho de conceito, arquitetura da solução e especificações técnicas (Phase 1: Concept design, solution architecture and technical specifications). Duração: 3 meses; orçamento previsto: até 450.000€.
Nesta fase, os fornecedores desenvolvem uma solução com base nos requisitos, use cases e service process models definidos pelos compradores. As soluções que recebam pontuação mais elevada (acima de um limite mínimo) serão selecionadas para a fase 2.

Fase 2: Desenvolvimento de sistemas protótipo (Phase 2: Development of prototype systems in two iterations). Duração: 8 meses; orçamento previsto até 900.000€.
Os fornecedores selecionados desenvolvem os protótipos das soluções em 2 iterações:

* v1 – protótipo não funcional ou protótipo funcional apenas das componentes-chave do sistema (v1 as non or partly functional prototypes of key system componentes), e
* v2 – protótipo funcional demonstrando a interação com a totalidade sistema.
Ambas as iterações serão sujeitas a teste por parte de utilizadores finais em cada um dos países compradores da solução. As soluções que obtenham pontuação mais elevada serão selecionadas para a fase 3.

Fase 3: Desenvolvimento e teste dos sistemas-piloto (Phase 3: Development and testing of pilot systems). Duração: 15 meses; orçamento previsto até 1.650.000€
Os fornecedores selecionados desenvolvem o sistema piloto que será sujeito a testes em ambiente real durante 8 meses, com 200 doentes. Os sistemas são instalados e testados pelos fornecedores nos locais-piloto, um por cada país comprador. Os fornecedores desenvolvem e mantêm um service desk para solucionar problemas identificados por doentes, profissionais de saúde e outro pessoal envolvido nos locais-piloto. O apoio deve ser disponibilizado em cada local-piloto.

A seleção dos fornecedores será feita com base na relação qualidade/preço, comum a todos os países envolvidos.

Categories

RSS Feed subscription